sábado, setembro 24, 2011

Era tudo trabalhar de Deus..


Queridos irmãos, quero compartilhar com vocês algo que aconteceu na minha vida que me fez aprender que Deus usa quem quer, como quer e onde quer. Passei a entendi que tudo é permissão de Deus e para honra e glória do nome dEle! Está escrito na Palavra que:

Sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que O amam e são chamados de acordo com o Seu propósito.” Romanos 8:28








No final do mês de Junho, exatamente no dia 29 de junho (Quarta-feira), o meu corpo não estava da mesma forma... Febre alta, dores de cabeça e “moleza”. Tomei remédio e minha mãe pensou que não era nada grave. Quando foi na Quinta-feira, não acordei nada legal e fui à emergência. Passei praticamente todo o dia por lá, tomei medicamento e fiz um hemograma que deu Plaquetas baixas (137 mil, sendo que o normal  é 150mil) e suspeita de dengue. O médico passou um remédio e pediu que eu voltasse com dois dias para fazer novamente as contagens de plaquetas. Acordei pela madrugada chorando, sentindo fortes dores. Na sexta-feira, fui novamente para à emergência, só que em outro hospital. Chegando lá, fiz novamente o hemograma e as plaquetas deram 118mil. A médica constatou que eu estava de dengue. Chorei pensando que precisaria ficar internada. Mas, Deus tem Seus meios. Voltei para casa (graças a Deus). Passando dois dias, voltei novamente para a emergência e as minhas plaquetas só abaixavam (estava em 87mil). Era dia de Santa Ceia, meu coração se entristeceu porque não poderia ir á igreja para estar em comunhão com os irmãos. Teria que voltar para o hospital no dia seguinte para fazer a contagem das plaquetas. Na Segunda-feira, cheguei bem cedo no hospital, fiz a contagem e as plaquetas já estavam em 70mil. Os médicos/enfermeiros vieram e disseram que teria que ficar internada, pois poderia ter Dengue Hemorrágica. Fiquei muito triste... O médico que me atendeu, mandou relatório errado para o plano de saúde, e por conta disso, não queriam liberar o meu internamento. Mas, para honra e glória do nome do Senhor Jesus foi tudo resolvido e eu subi para o apartamento. Na Terça-feira, minha tia foi dormir comigo e não passei bem. Como vocês sabem, um dos sintomas da dengue é a coceira. Os enfermeiros me deram vários antialérgicos, e eu fiquei praticamente “dopada”. Na quarta-feira, as plaquetas subiram um pouco, estavam em 96 mil. Na quinta-feira, era o grande dia que o Senhor havia reservado para fazer o milagre em minha vida. Eu havia dito que desejava que minhas plaquetas fossem à 150mil, mas Deus tinha muito mais! Minha amiga Jessica chegou para ficar comigo e eu já estava bem melhor... Começamos a conversar e ouvir algumas músicas.  O Espírito Santo tocou no meio coração para orar. Falei à Jessica: Companheira  vamos orar! E assim, nos ajoelhamos. A presença do Senhor era diferente, Deus estava naquele hospital. Chegamos a um nível profundo de intimidade com Cristo! Jessica foi usada tremendamente pelo Senhor e disse que EU JÁ ESTAVA CURADA, BASTAVA CRÊ, e que no dia seguinte eu teria alta. Eu acreditei e aquele hospital já não estava o mesmo. Era como se o céu estivesse descido! Na sexta-feira 08 de julho de 2011, as minhas plaquetas estavam em DUZENTOS E CINQUENTA E OITO MIL (258mil). Ah, meu coração se encheu de felicidade. Liguei para as pessoas próximas e contei que teria alta. Deus operou o milagre e graças ao Pai não tive mais NADA! A dengue foi embora, Oh glórias!

O que aprendi é que muitas vezes pedimos a Deus algo, mas Ele quer dar muitos mais! Tem situações que não entendemos, mas TUDO É TRABALHAR DE DEUS! 
Está passando pelo vale, por uma enfermidade? Creia! O mesmo Deus que curou no passado, que curou a minha vida, Ele mesmo irá operar o milagre em VOCÊ. O Pai quer manifestar o poder dEle em tua você.
É só esperar acontecer e saber que todas as coisas cooperam! Tudo há um termo determinado... O tempo do milagre está próximo!

0 comentários:

Postar um comentário