sábado, julho 30, 2011

Eu só queria você por perto...



Você já sentiu uma dor muuuuito grande?

Não estou falando de dor física, mas dor de perda, de decepção, de traição... Dor na alma.

Quando agente está sofrendo, passando por um grande problema, não há nada mais difícil do que encarar "aqueles amigos" que nos deixa piores do que já estamos.

Ainda bem que Deus nos ama tanto... Ele sabe o que é sofrimento. Ele sabe o que é ser abandonado, esquecido, rejeitado, traído, humilhado...
Alguns momentos antes de ser entregue aos soldados, Jesus foi ao Getsêmani e levou consigo os seus três amigos mais chegados: Pedro, Tiago e João (Mc 14:33).

Aquele, era um momento crucial para toda a humanidade. O Filho de Deus iria ser torturado até a morte... Jesus estava prestes a ser entregue nas mãos daqueles que queriam matá-lo. E o que Ele fez? Foi orar e levou consigo os seus melhores amigos!


Jesus queria apenas a presença dos seus amigos. Sem sermões ou palavras vazias de encorajamento. Sem conselhos. Somente a proximidade e a disponibilidade.


A presença do amigo fortalece. A presença do amigo encoraja. A presença do amigo conforta...

Se fosse eu que estivesse ali, naquele momento, provavelmente teria dito algo do tipo: “Olha Jesus, fique firme! Tenha fé! Deus é contigo!... ou: Olha Jesus, no terceiro dia você vai ressuscitar, o seu corpo será glorificado!...”

Saber como as coisas vão terminar, não torna, necessariamente, o sofrimento menos doloroso.

A dor e o sofrimento de Jesus naquele momento eram tão terríveis que Ele suou sangue. A ciência chama este fenômeno de hematidrose, que significa suor sanguíneo e pode acontecer quando alguém está subjugado por grande pesar e tristeza.

A Bíblia nos ensina que há um amigo mais chegado do que um irmão (Pv 18:24). Poucos são os que têm este tipo de amizade, mas a questão é: E você, é um amigo mais chegado do que um irmão?

Nada do que os discípulos falassem, mudaria a dor que Ele teria que passar, mas uma coisa é certa: Jesus queria os seus amigos por perto.


Jesus queria algo para amenizar a sua dor: 

O companheirismo.

Ele simplesmente pediu aos discípulos que ficassem e orassem com Ele, mas por três ocasiões, os encontrou adormecidos.

Existem momentos em nossas vidas que, não há nada que aconteça que possa mudar nossa situação... 

Mas Deus nos ensinou a receita do antídoto contra as dores, angústias e sofrimentos da alma: A presença do amigo mais chegado que um irmão!

Depois de tanto sofrimento, Jesus foi crucificado, morreu, mas ressuscitou! E você pode me perguntar: E daí? No que isso mudou a minha vida?

Tudo o que Jesus sofreu foi por amor a mim e a você! Foi para que, um dia, pudéssemos  encontrar com Ele na eternidade. Ele nos fez uma promessa: "E Eu rogarei ao Pai, e Ele vos dará outro Consolador, para que fique convosco para sempre!" (João 14:16)


Jesus protegeu e cuidou dos seus amigos enquanto estava com eles aqui na terra, mas, ao voltar para o Pai, Ele não nos deixou sozinhos, abandonados. O Seu próprio Espírito está bem aqui, pronto para te amar e consolar, protegendo e cuidando de você.

Existem coisas que só Deus pode fazer e existem coisas que só um grande amigo pode fazer! E Deus gosta de usar os amigos... Afinal, Ele é o nosso maior e melhor amigo!

E você, tem sido um amigo mais chegado que um irmão?

Deus me deu amigos mais chegados que um irmão.

Ele tem sido fiel!

Deus é bom demaisssssssss!


Texto Retirado do Blog da líder de nosso Moderador Melquisedeque Souza ou @melk64

0 comentários:

Postar um comentário